Periódicos científicos de ciências biológicas: estudo dos títulos classificados no estrato A1 do Qualis

Patricia da Silva Neubert, Rosângela Schwarz Rodrigues, Yara Maria Rauh Müller

Resumo


Este artigo apresenta um estudo dos periódicos em que é publicada a produção nacional da área de ciências biológicas com a finalidade de: a) descrever as características editoriais dos periódicos; b) identificar a participação de editoras comerciais; e c) verificar a adoção do acesso aberto. O universo da pesquisa realizada no estudo é composto pelos periódicos classificados no estrato A1 do Qualis 2014 da área de Ciências Biológicas I, totalizando 131 títulos, e os dados foram coletados na Web of Science. Os resultados mostraram que, em sua totalidade, os títulos foram editados no exterior, com domínio de publicações nos Estados Unidos e no Reino Unido (83,21%). Os periódicos foram criados desde 1860, mas a sua expansão ocorreu a partir de 1960 (75,57%) e são mantidos por associações e editoras comerciais (83,96%), com evidente destaque dos grupos Elsevier (23,66%), Wiley (18,32%) e Springer (12,21%). A maioria dos artigos está publicada em língua inglesa (99,98%) e a adoção do acesso aberto por esses periódicos é baixa (8,4%).


Palavras-chave


periódicos científicos; ciências biológicas; Qualis; Web of Science; acesso aberto; editoras comerciais.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.29397/reciis.v11i3.1251

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




e-ISSN 1981-6278 

Icict - Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde

Fundação Oswaldo Cruz | Ministério da Saúde
Av. Brasil, 4365 | Pavilhão Haity Moussatché | Manguinhos | CEP 21040-900
Rio de Janeiro | Brasil