Produção do conhecimento, interdisciplinaridade e estruturalismo

Maria de Fátima Gonçalves Moreira Tálamo

Resumo


Apresentação da organização da ciência moderna, identificando ocorrências da produção de saberes segundo contextos formais e informais, e de sua transição paradigmática para a pós-modernidade, com o recurso à interdisciplinaridade, cujo funcionamento seguindo princípio de economia dos sistemas simbólicos, permite a dialogia e a consolidação das humanidades. Exemplifica-se, tal fenômeno, com o estruturalismo, que na contemporaneidade continua exercendo papel importante na organização de novos campos de investigação, como o das ciências do impreciso e o da ciência da informação.

Palavras-chave


ciência moderna; ciência pós-moderna; estruturalismo; interdisciplinaridade; conhecimento

Texto completo:

PDF PDF EN (English)


DOI: https://doi.org/10.3395/reciis.v3i3.788

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




e-ISSN 1981-6278 

Icict - Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde

Fundação Oswaldo Cruz | Ministério da Saúde
Av. Brasil, 4365 | Pavilhão Haity Moussatché | Manguinhos | CEP 21040-900
Rio de Janeiro | Brasil