Multimídia educativa no contexto do Plano CEIBAL nas escolas rurais do Uruguai

Elisa Martínez Luaces, Digna Hoogenboom, Mark Brul

Resumo


A experiência aqui apresentada refere-se ao tema geral das novas tecnologias e configurações sociais na área da Saúde, a partir de um projeto desenvolvido na zona rural do departamento de Salto, Uruguai, entre 2010 e 2011. Uma apresentação em vídeo do produto final deste
projeto pode ser visto em: http://www.youtube.com/watch?v=HQqaxc9VlI8.
Tomando esta experiência interdisciplinar como ponto de partida, exporemos algumas reflexões sobre o desenvolvimento de multimídia na interseção Comunicação e Saúde no momento do impacto do Plano CEIBAL nas comunidades do meio rural, os desafios que esta conjuntura nos proporciona como comunicadores quanto ao desenvolvimento de projetos interdisciplinares na comunidade, e a articulação das novas tecnologias. O Projeto Salúdame foi financiado pelo Plano CEIBAL (Uruguai) e pelo National Committee for International Cooperation and Sustainable Development (The Nederlants), e conta ainda com o aval do Ministério da Saúde Pública do Uruguai (declarado “De interesse Ministerial” em agosto de 2010). A multimídia educativa Salúdame foi apresentada oficialmente pelo Plano CEIBAL em 26 de julho de 2011.


Palavras-chave: Comunicação e saúde; Novas tecnologias de comunicação; Plano CEIBAL.


Palavras-chave


Comunicação e saúde; Novas tecnologias de comunicação; Plano CEIBAL

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.29397/reciis.v6i4.745

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




e-ISSN 1981-6278 

Icict - Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde

Fundação Oswaldo Cruz | Ministério da Saúde
Av. Brasil, 4365 | Pavilhão Haity Moussatché | Manguinhos | CEP 21040-900
Rio de Janeiro | Brasil