A ontologia do sangue: uma iniciativa para representação e organização do conhecimento sobre Hematologia e Hemoterapia

Mauricio Barcellos Almeida, Anna Barbara de Freitas Carneiro Proietti, Kátia Cardoso Coelho, André Queiroz Andrade

Resumo


Background: O crescente volume de dados produzido em medicina tem tornado claras as limitações de sistemas de classificação médicos para a recuperação da informação. Apesar da variedade de terminologias, tesauros e glossários disponíveis na biomedicina, observa-se a inexistência de iniciativas dedicadas à hematologia. Objetivo: o objetivo do presente trabalho é descrever a pesquisa em andamento para desenvolvimento de vocabulários formais sobre hematologia e hemoterapia. Apresenta-se a Blood Ontology (BLO), um conjunto de recursos que abrange conhecimento sobre sangue humano e práticas clinicas relacionadas. Métodos: a BLO foi desenvolvida de acordo com as melhores práticas de organização da informação biomédica, e se fundamenta nos seguintes pressupostos: alinhamento com iniciativas internacionais, reuso de informações, aquisição de conhecimento com especialistas, princípios ontológicos para descrever entidades das ciências naturais, rigor adequado ao processamento automático. Resultados: a BLO é uma iniciativa de longo prazo e se encontra na fase de aquisição de conhecimento. Resultados parciais já permitem consultar a organização preliminar de termos alinhada com iniciativas internacionais e fundamentada no conhecimento de grupo de pesquisa da hematologia. Discussão: esquemas de classificação tradicionais não proporcionam organização do conhecimento adequada para uso por sistemas automáticos. Conclusão: a BLO facilita a recuperação, o uso e análise de dados sobre o sangue, bem como a integração com outras área de pesquisa médica.

Palavras-chave: Hematologia; Hemoterapia; Informática médica; Classificação, Recuperação da informação.


Palavras-chave


Hematologia; Hemoterapia; Informática médica; Classificação, Recuperação da informação

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.3395/reciis.v7i1.703

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




e-ISSN 1981-6278 

Icict - Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde

Fundação Oswaldo Cruz | Ministério da Saúde
Av. Brasil, 4365 | Pavilhão Haity Moussatché | Manguinhos | CEP 21040-900
Rio de Janeiro | Brasil