Ciência aberta e livre acesso à informação científica: tão longe, tão perto

Maria Cristina Soares Guimaraes

Resumo


Quatro séculos atrás, ciência aberta (open science) e ampla disseminação da informação fizeram parte do corolário que deu os contornos da República da Ciência. Esses princípios imprimiram ao conhecimento científico o caráter de bem público, recompensado pelo financiamento e acesso públicos. O século XXI testemunha uma preocupação crescente com a privatização do conhecimento e com a restrição do fluxo de informação. Tão longe, tão perto. Tradições antigas e recentes misturam-se nesse caminho, engendrando novos interesses e produzindo novas tensões. Restaurar o caráter público do conhecimento significa repensar do sistema de recompensa da ciência. Espaço para novas políticas e novas alianças.

 


Palavras-chave


Ciência Aberta; Sistema de Recompensa na Ciência; Acesso à Informação; Acesso Aberto; Repositórios Institucionais

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.3395/reciis.v8i2.627

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




e-ISSN 1981-6278 

Icict - Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde

Fundação Oswaldo Cruz | Ministério da Saúde
Av. Brasil, 4365 | Pavilhão Haity Moussatché | Manguinhos | CEP 21040-900
Rio de Janeiro | Brasil