A enfermidade de Lula: enunciando a corporeidade do acontecimento

Antonio Fausto Neto, Aline Weschenfelder

Resumo


Analisa-se a primeira fase (outubro/novembro de 2011) da enfermidade que acomete o expresidente Lula, a partir de estratégias discursivas construídas no âmbito de uma “realidade midiática” particularmente através das revistas semanais. A partir do informe inicial do Instituto Lula sobre a midiatização da enfermidade, complexas operações de sentidos são realizadas também por mídias e receptores. Chama-se atenção para as condições que possibilitam o engendramento da enfermidade de Lula a partir de sentidos em disputa e que não ficam restritos ao mundo médico e ao âmbito político. Resulta da intervenção de vários discursos, fazendo eclodir não só a enfermidade, mas uma corporeidade semantizada por construções midiáticas.

Palavras-chave


Lula; Enfermidade; Corporeidade; Discursos; Sentidos

Texto completo:

PDF

Referências


BARTHES, Roland. Cómo vivir juntos: simulaciones novelescas de algunos espacios cotidianos.

Buenos Aires: Siglo XXI, 2005.

FAUSTO NETO, Antonio. O Corpo falado: a doença e morte de Tancredo Neves nas revistas semanais brasileiras. João Pessoa: PROED-MEC, 1988.

FAUSTO NETO, Antonio. Enfermidade em circulação: sou eu mesmo que noticio o meu tratamento. Revista Galaxia, São Paulo, n.22, p.237-249, dez. 2011.

FAUSTO NETO, Antonio. Lula, El presidente “língua-floja”. La Trama de La Communicación, Rosário, v. 16, p.25-42, 2011.

LE DISPOSITIF: Entre usage et concept. In: HERMÈS 25: cognigion, communication, politique. Paris: CNRS Éditions, 1999.

LUHMANN, Niklas. A realidade dos meios de comunicação. São Paulo: Paulus, 2009.

MOUILLAUD, Maurice. O jornal: da forma ao sentido. Brasília, DF: Paralelo 15, 1997.

MOUILLAUD, Maurice. De la capture des images. Langage et societé, Paris, n.45, Sept. 1988.




DOI: http://dx.doi.org/10.3395/reciis.v6i4.578

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




e-ISSN 1981-6278 

Icict - Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde

Fundação Oswaldo Cruz | Ministério da Saúde
Av. Brasil, 4365 | Pavilhão Haity Moussatché | Manguinhos | CEP 21040-900
Rio de Janeiro | Brasil