Marketing social e digital do Ministério da Saúde no Instagram: estudo de caso sobre aleitamento materno

Pâmela Araujo Pinto

Resumo


Este artigo mapeia as estratégias de atuação do Ministério da Saúde na rede social Instagram. Realizou-se um estudo de caso no período de agosto de 2017 a agosto de 2018 para verificar como o tema da amamentação foi abordado na rede oficial do governo brasileiro para saúde. O corpus tem 65 posts sobre a questão, que foram analisados considerando as métricas de monitoramento das redes sociais: alcance; volume; atividade; engajamento dos usuários e influência do conteúdo junto aos seguidores. Analisando as estratégias de atuação do marketing social e digital identificou-se a falta de interação e resposta aos usuários e a baixa diversidade de representação das mulheres. O levantamento aponta a necessidade de problematizar as práticas do Ministério nesta rede e propor melhorias para ampliar o diálogo com a sociedade.


Palavras-chave


Marketing social; Marketing digital; Ministério da Saúde; Aleitamento materno; Redes sociais; Instagram.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.29397/reciis.v13i4.1634

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




e-ISSN 1981-6278 

Icict - Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde

Fundação Oswaldo Cruz | Ministério da Saúde
Av. Brasil, 4365 | Pavilhão Haity Moussatché | Manguinhos | CEP 21040-900
Rio de Janeiro | Brasil