Melhores escolhas alimentares entre usuários do Guia Alimentar Digital: um relatório do Brasil

Simone Caivano, Semíramis Martins Álvares Domene

Resumo


O acesso fácil à informação possibilita a oportunidade de promover escolhas alimentares saudáveis. Este estudo apresenta o Guia Alimentar Digital (GAD), aplicativo para smartphones, e avalia sua capacidade de promover escolhas alimentares saudáveis. Usuários registram sua ingestão alimentar e recebem dados dos grupos alimentares e Índice de Qualidade da Dieta, pontuação associada ao GAD. Este estudo analisou a ingestão alimentar e peso corporal relatados de 442 usuários de ambos os sexos, entre 19 e 50 anos. Após usar o aplicativo, aproximadamente um terço dos participantes melhoraram seu padrão alimentar e 60% perderam peso (p < 0,01). A percentagem de indivíduos que consumiram dieta de qualidade ruim diminuiu 8,5%, aqueles que obtiveram qualidade intermediária aumentaram 6,8% e os de alta qualidade aumentaram 1,6% (p = 0,01). Tecnologias da informação podem ser recursos adicionais, apoiando a educação nutricional e ajudando as pessoas a comerem conscientemente com resultados positivos para a saúde.


Palavras-chave


Promoção da saúde; Prevenção de doenças; Tecnologia médica; Saúde pública; Comportamento alimentar; Alimento; Tecnologia inovadora; Smartphone; Avaliação dietética; Registro móvel de alimentos.

Texto completo:

PDF (English)


DOI: http://dx.doi.org/10.29397/reciis.v12i3.1308

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




e-ISSN 1981-6278 

Icict - Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde

Fundação Oswaldo Cruz | Ministério da Saúde
Av. Brasil, 4365 | Pavilhão Haity Moussatché | Manguinhos | CEP 21040-900
Rio de Janeiro | Brasil