Aplicações móveis com interação médico-paciente para um estilo de vida saudável: uma revisão sistemática

Jeangrei Veiga, João Pedro Rodriguez, Bernardo Trevizan, Marcelo Trindade Rebonatto, Ana Carolina Bertoletti De Marchi

Resumo


A medicina do estilo de vida tem como meta principal ajudar os indivíduos na prevenção e no tratamento de doenças que restringem um modo de vida saudável. Para auxiliar esse processo, muitas soluções digitais estão sendo pesquisadas e desenvolvidas. O objetivo do trabalho em que se baseia este artigo é identificar quais são as aplicações móveis com interação médico-paciente que visam contribuir para um estilo de vida saudável. Para isso, realizamos uma revisão sistemática de literatura nas bases de dados eletrônicas Science Direct, IEEE, Springer e ACM durante o mês de maio de 2015. Foram incluídos estudos que descrevem o uso de tecnologias móveis e que possuem mecanismo de intervenção entre paciente e profissional, com vistas a contribuir efetivamente para um estilo de vida saudável. Dos artigos encontrados, 541 no total, cinco atenderam aos critérios de elegibilidade e foram analisados nesse estudo de revisão.


Palavras-chave


aplicativos móveis; estilo de vida; assistência à saúde; comunicação em saúde; tecnologia da informação, computação vestível.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.29397/reciis.v11i1.1188

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




e-ISSN 1981-6278 

Icict - Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde

Fundação Oswaldo Cruz | Ministério da Saúde
Av. Brasil, 4365 | Pavilhão Haity Moussatché | Manguinhos | CEP 21040-900
Rio de Janeiro | Brasil