Avaliação de desempenho das redes de atenção à saúde: uma proposta de indicadores

Daiane Ellwanger Araujo, Edgar Merchan-Hamann, Francisca Sueli da Silva Lima, Josué Laguardia, Maria Margarita Urdaneta Gutierrez

Resumo


Este artigo baseia-se em um estudo descritivo de processo metodológico de natureza operacional para identificar indicadores que permitam a avaliação do desempenho das Redes de Atenção à Saúde (RAS) mediante a identificação de agravo de saúde pública no contexto da regionalização do Sistema Único de Saúde. Os métodos de seleção do agravo e indicadores incluíram a realização de três oficinas com especialistas interdisciplinares aplicando a Técnica de Grupo Nominal. Priorizou-se o agravo câncer do colo do útero e chegou-se a uma composição final de 10 indicadores para avaliação de subdimensões do desempenho dos componentes da estrutura operacional da RAS. Concluiu-se que um conjunto de indicadores factíveis e validados para o agravo selecionado pode compor um sistema de monitoramento e avaliação das RAS de modo a subsidiar gestores na tomada de decisão. Os desdobramentos futuros do estudo em questão serão o cálculo e a apresentação dos indicadores para comparabilidade entre as regiões de saúde do Brasil, bem como a validação da metodologia proposta.


Palavras-chave


indicadores de saúde; avaliação de desempenho; Sistema Único de Saúde; sistemas de informação em saúde; regionalização.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.29397/reciis.v10i3.1090

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




e-ISSN 1981-6278 

Icict - Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde

Fundação Oswaldo Cruz | Ministério da Saúde
Av. Brasil, 4365 | Pavilhão Haity Moussatché | Manguinhos | CEP 21040-900
Rio de Janeiro | Brasil