Produção científica colaborativa na área da saúde tropical: uma análise da rede de colaboração do Programa de Pós-Graduação em Medicina Tropical da Universidade Federal de Pernambuco

Natanael Vitor Sobral, Fábio Mascarenhas e Silva, Leilah Santiago Bufrem, Maria Rosângela Cunha Duarte Coêlho

Resumo


Este trabalho descreve as motivações e os modos de colaboração científica das redes sociais na área de Saúde Tropical, em estudo sobre a produção de conhecimento de pesquisadores do Programa de Pós-Graduação em Medicina Tropical da Universidade Federal de Pernambuco (PPGMEDTROP/UFPE), entre 2004 e 2012, considerando sua contribuição significativa para a solução dos problemas da área. Organiza um banco de dados bibliométricos com indicadores científicos para o estudo de coautoria, fundamentado na análise de redes sociais científicas estabelecidas entre os autores. Entrevista nove pesquisadores do Programa para compreender motivações e visualizar as relações de colaboração. Observa a tendência de organização coletiva da Ciência. Destaca como motivações mais importantes dos pesquisadores em prol da colaboração a possibilidade de enfrentar grandes problemas de pesquisa, a obtenção e/ou ampliação de fomento, o processo de validação nos trabalhos realizados em grupo e a possibilidade de avaliar previamente os produtos de pesquisa em relação às instâncias avaliadoras.


Palavras-chave


Colaboração científica; Redes sociais científicas; Medicina tropical; Saúde tropical; Produção científica; Bibliometria; Motivações para a colaboração

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.29397/reciis.v10i1.1025

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




e-ISSN 1981-6278 

Icict - Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde

Fundação Oswaldo Cruz | Ministério da Saúde
Av. Brasil, 4365 | Pavilhão Haity Moussatché | Manguinhos | CEP 21040-900
Rio de Janeiro | Brasil